quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

A véspera da saudade...






Dá-me um beijo e boa viagem...
Uma despedida rápida que disfarça a emoção,como quem fica na boa...tipo vai lá e sê feliz!
É sempre um momento difícil ,todas as despedidas são cruéis ,como se de repente um vazio ocupasse o lugar do amor sem dó nem piedade.
De cada vez que acontece é como se fosse a primeira,não sei usar as outras vezes para que esta seja menos triste e dolorosa,não serve de nada o que já se passou como experiência...de nada, mesmo!!! 
E neste fim de tarde de Dezembro
a despedida repete-se
e à saudade peço
 o que mais desejo para ti...
Felicidade!
Aquela felicidade, de seres feliz com tudo.
Obrigada minha querida filha
por seres assim...
Pelos momentos que passamos juntas de cada vez que voltas a casa,
e não,
hoje não choro...
nem mesmo olhando o voo da Taag que parte
mesmo doendo-me por dentro
mesmo sentido o vazio que deixas na nossa casa
porque sei que és feliz onde agora moras.
E eu...
Eu tenho uma secreta "inveja"
desse sitio que tanto gosto
e um saudável "ciúme"
de saber que és Feliz sem mim.


Nani Carvalho

28/12/2016

domingo, 11 de dezembro de 2016

Tudo o que eu queria eras tu...







Era uma bela manhã de Domingo,
acordei com o barulho da sessão de circo que tinha começado,abri a janela e um lindo dia de sol arrancava-me um sorriso.
A musica que se ouvia ,cantava: "all i want for christmas is you".
Vozes de crianças em coro faziam-me acreditar que tudo era possível e que a vida não ficaria indiferente a este inocente e valioso pedido.
Da varanda em frente, juntei a minha voz à deles..."all i want for christmas is you" e assim também eu lhe pedi..
Não sei como se pede à vida seja o que for,
se por escrito,
 por sonhos,
lágrimas ou sorrisos,
na verdade desconheço a forma mais eficaz ,
mas ainda assim,humildemente, pedi.
A resposta veio horas depois,duma forma subtil,cruel e injusta.
Abri o meu computador , estava lá!
Fiquei triste,desiludida e até chocada.
Era um pedido simples,não custava dinheiro,
podia ter-me sido dado nem que fosse na versão de ilusão ou até mesmo de esperança,
mas não...
A vida também arruína Sonhos...
Ela é que sabe...


Nani Carvalho
Aroma da Alma







quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Quando se escolhe nada quando se podia escolher ser tudo...






Neste delicioso e "quentinho" fim-de-semana de resto de Outono,
raro,como raro é o amor de verdade...
Desejei...
Que aquela lua ,a mesma de todos os meus sonhos e poesias,ajudasse.
Podia ser que aquelas noites frias fossem as ultimas e este amor me queimasse.
Podia ser tanta coisa...
O que se sentia ali era puro,simples,belo, tão raro e espontâneo
que cheguei a acreditar.
Olhei a lua e pedi-lhe que com toda a sua luz e magia tornasse este amor possível.
Eu não queria nada de especial, queria apenas o que achava especial.
Aquele sentir com emoção que comovia
o desejo que me abraçava,
 tocava
e envolvia.
Tudo era demasiado perfeito,
feito exactamente à minha medida,
do tamanho do coração e da alma.
Mas não, aquilo era apenas tentação...
Nos dias que seguiam,
aquela mesma lua entrava pela janela do meu quarto,
sozinha contemplava aquela imagem que mais parecia saída de um verdadeiro romance de amor ...
Desejei tanto vivê-lo,
desejei tanto escrevê-lo!
Faltou-me o protagonista...
Aquela estória afinal não era minha e aquele momento pura ilusão.,
Então perguntei à lua:
-Porque é que se escolhe ser nada quando se podia ter sido tudo?
fechei a janela, não quis ouvir a resposta,
não ia conseguir entender...

in "Agora pode ser"

   Nani Carvalho

thank you stranger

Thank you stranger... Era uma noite quente de Setembro, apetecia tudo menos regressar ao hotel, o ambiente que se vivia naquele ...